MIRANTE 1

Apenas um grande caderno de notas. Um mirante de onde eu olho tudo e qualquer coisa e bato nas teclas pra registrar.

De 2000 à 2010, montanha russa de bandas de rock (?) Parte I

A gente já está em 2011! Sim, isso mesmo, gênio.

Será que apenas eu ou todo mundo ainda teima em lembrar das coisas como antes de 2000 e depois de 2000?

Não sei, talvez seja só eu mesmo. Mas pensando uma segunda vez, já atravessamos uma década inteira desde a virada do século e vamos começar a segunda década desse século.

Sempre vemos as características culturais dos anos 1960, 1970, 1980, 1990 e os 2000? De repente tá acontecendo tanta coisa que a gente ainda não conseguiu pinçar um rótulo ou alguma característica dentre as muitas desses últimos anos.

Falando sobre música, a dificuldade é a mesma. Aconteceu tanta coisa que não dá pra separar um único estilo ou corrente. Tá tudo bagunçado.

Mas eu tentei pegar algumas bandas que até fizeram algum sucesso ou que eu ouvi uma música nos últimos dez anos e gostei bastante, baixava no Kazaa, com muita dificuldade pra separar os vírus dos arquivos que serviam e gravava no recém comprado gravador de cd do computador de casa (!)

Pra começar com o melhor, Nickelback. (talvez seja a única que ainda continua em atividade da lista desse post)

Aqui no Brasil a gente conhece a banda mais por suas baladas – que são muito boas-  que talvez a gravadora inteligentemente solte como músicas de trabalho ou “singles” para vender mais. Ok, mas se você fuçar os CDs da banda, vai encontrar bastante coisa pesada como essa:

Never Again

SEX – essa não tem clipe, mas vale a pena ouvir

Lógico que não ia deixar de fora a música que os fez famosos (no terceiro CD apenas)

How you remind me

Falando em baladas. Eu perdi a conta de quantas meninas eu vi suspirando por causa do vocalista dessa banda. Era um saco, mas eu gostava das baladinhas. Mas cadê eles mesmo? No site tem uma nota de 2005 dizendo que eles entrariam em hiato… vixe.

The Calling

Wherever you will go

Adrienne

Ambos esses clipes são de 2001. Nesse mesmo ano, meu irmão mais velho trouxe um CD aqui pra casa.

Esse aqui

 

Puddle of Mudd

E nele tinha essas músicas aqui.

Blurry

She Fucking Hates me – clipe engraçadíssimo

 

Ainda em 2001. Quem se lembra de P.O.D.? As letras eram muito boas, com críticas ou intimistas de uma forma que não se vê todos os dias.

A minha favorita deles é Youth of the Nation  – essa merece até um link para a letra

Alive

 

Ia quase me esquecendo de uma que via muita gente falar sobre. Limp Bizkit

Eu gostava mesmo era dessa. Lembro da febre que Missão Impossível II foi e achei essa uma ótima versão do tema do filme.

Take a look around

My way

E eles fizeram um cover respeitável do The Who como trilha sonora de um filme não tão respeitável assim.

Behind Blue Eyes

Eles estão voltando, mas não vão conseguir  – na minha opinião – conseguir chegar no mesmo lugar de destaque que há 9 anos.

De qualquer maneira, fuçando esses clipes, encontrei uma coisa ou outra que merece ser mencionada. Depois eu posto como parte II

 

Veja também

Música – Originais x Covers

Lá da Finlândia

Eu quero é Roooock

1980 Hard Rock

Segunda-feira Blues

Porque música é sexy!

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado em 8 de junho de 2011 por em "Interantissedades".
%d blogueiros gostam disto: