MIRANTE 1

Apenas um grande caderno de notas. Um mirante de onde eu olho tudo e qualquer coisa e bato nas teclas pra registrar.

Começando os trabalhos / 2012/ CAJ/ desemprego

Bora começar a dar um carinho aqui no Mirante que logo vai completar dois anos de existência.

O ano já tá começando estranho… umas “férias” depois de alguns anos trabalhando praticamente direto.

Agora só na ansiedade do CAJ 2012. Ainda me questiono se é verdade que eu passei na dificílima seleção. Estou custando a acreditar. Fico repassando a jornada e tomo todo o cuidado do mundo pra não cair em umas de endeusar a minha pessoa. Ok, eu fiz algo difícil, bem difícil, mas ainda assim eu não sou o jornalista com o melhor texto, nem o melhor pago, na verdade, estou desempregado até a segunda ordem.

Se eu entrei no CAJ não é por que sei mais que os outros, mas é para tentar aprender mais.

Ultimamente estou disperso demais pra conseguir escrever qualquer coisa, e eu preciso mudar isso, rápido.

Ainda assim, a ansiedade come solta!

Tá rolando um grupo no Facebook feito pelo e pro pessoal da turma de 2012. E sempre rolam alguns papos engraçados no chatline… e de vez em quando algumas estrelas da nossa área surgem por lá, sem querer puxar o saco, mas os palestrantes são os big bosses quer queiramos ou não. E hoje o General Digital Director da Editora Abril, o Manoel Lemos passou pra dar um oi. E claro, nos deixou mais ansiosos pra saber como vai ser o curso. O Edward Pimenta, big boss do curso também falou, tão rápido que nem sei se muita gente percebeu, escreveu um simples “a programação só no dia 30” ¬¬

Engraçado, aquela sensação de início da faculdade, todo mundo tentando se conhecer e todo mundo bem diferente um do outro.

Tem gente de vários cantos do Brasil, que já viajou pra fora, que trabalha há muito tempo na área ou gente que está saindo agora da faculdade… enfim, diversidade.

Essa é a ideia? A gente precisa ser forjado na pressão pra conseguir sobressair no mercado de trabalho. Jornalismo, sua linda (profissão). É tanta coisa, tanta inteligência que até dá medo da minha ser sufocada por tantas novas e grandes ideias.

Acho que o segredo está na máxima “relaxa e goza”. Vai ser o jeito.

Afinal de contas, tudo o que eu quero em março é sair de lá um crânio, escrever feito um gênio (não vou citar nome de nenhuma das lendas da literatura e do jornalismo pq eu quero um lugar só pra mim e não quero ser pretensioso) e com um belo emprego!

Pra isso, vou ter que ir com muita sede, com muita fome e devorar tudo o que apresentarem nas palestras e nos trabalhos. Talvez daí está vindo minha inércia desse início de ano, estou tomando fôlego. Tomara.

0_0

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: